Foto - Divulgação

Centro da China volta a ser atingido por chuvas torrenciais

Foto – Divulgação

Novas chuvas torrenciais no centro da China danificaram casas, causaram deslizamentos de terra e interrupções no fornecimento de energia elétrica, numa região onde as enchentes mataram mais de 300 pessoas no mês passado, informou nesta segunda-feira (23) o governo. Até agora, não há registro de mortos.

As fortes chuvas do fim de semana levaram as autoridades a fechar túneis e algumas pontes em Zhengzhou, a capital da província de Henan, onde pelo menos 292 pessoas morreram nas enchentes de julho, informou a imprensa estatal chinesa, que cita funcionários do governo.

A agência disse que 95 ligações ferroviárias em Zhengzhou foram suspensas.Numa região da província de Shaanxi, no noroeste da China, a precipitação média alcançou 24 milímetros no fim de semana. A imprensa oficial chinesa disse ainda que as perdas para os agricultores e outros chegaram a 450 milhões de yuans (60 milhões de euros). Cerca de 25 auto estradas foram fechadas nas províncias de Henan, Shaanxi e Sichuan, informou a televisão estatal CCTV.

Cidades como Luoyang, Hebi e Xinxiang, em Henan, que sofreram fortes enchentes em julho, fecharam também as instalações públicas e lojas. Em Shaanxi, a energia foi cortada em algumas cidades e outras sofreram deslizamentos de terra.

Por: Redação

Fonte: Agência Brasil

Compartilhar

Além disso, verifique

Netanyahu dissolve gabinete de guerra de Israel

Primeiro-ministro enfrenta críticas e incertezas sobre estratégia em Gaza após saída de opositores do gabinete …