Foto - Marcelo Cortes (Flamengo)

Flamengo recebe o Curitiba Vôlei pela Superliga Feminina de Vôlei

Foto – Marcelo Cortes (Flamengo)
Com 14 pontos e ocupando o quinto lugar na Superliga Feminina de Vôlei, o Sesc RJ Flamengo entrará em quadra novamente nesta terça-feira (14). A equipe comandada pelo técnico Bernardinho receberá o Curitiba Vôlei, às 19h, no ginásio Hélio Maurício, na Gávea, e espera uma vitória para seguir na cola do G4 da competição. Após um revés na última sexta, diante do líder Praia Clube, o time rubro-negro quer contar com o fator casa para iniciar uma sequência de bons resultados para fechar o ano e que pode resultar em uma melhor posição na classificação.
Rodando bastante o elenco nas oito rodadas que já disputou, o Sesc RJ Flamengo tem contado com os talentos vindo do banco de reservas para melhorar seu desempenho durante os jogos, e até para virar confrontos complicados. Obviamente ninguém na equipe carioca espera passar por dificuldades nesta terça, mas se elas vierem, duas das atletas mais chamadas por Bernardinho nas substituições conhecem bem o Curitiba. “Minha expectativa é de conseguir conquistar mais uma vitória e somar três pontos bem importantes. Uma característica do Curitiba é resiliente, um time aguerrido, e precisamos conseguir manter uma regularidade. Vai ser fundamental não baixarmos a guarda. Só assim conseguiremos impor nosso ritmo e um bom resultado”, analisou Milena, destaque do time curitibano na última temporada.
Outra que brilhou na capital paranaense antes de chegar ao Rio de Janeiro foi a ponteira Ariele. Atuando mais como oposta nos últimos confrontos do Sesc RJ Flamengo, uma vez que Monique segue em recuperação, ela destaca que a equipe rubro-negra precisa respeitar o adversário, mas pensar em si própria antes de qualquer coisa. “Eu sempre acredito que precisamos tomar cuidado com o adversário. Mas devemos estar mais preocupadas em não errar, em fazer o nosso bem feito. As boas partidas que fizemos nesta Superliga, conseguimos errar menos, não demos tantos pontos nem oportunidades para os nossos adversários e acho que esse é o nosso melhor caminho contra o Curitiba”, resumiu Ariele.
Por: Redação
Compartilhar
Spread the love

Além disso, verifique

Tite agradece torcida do Flamengo e desabafa: “Falta de vontade é de quem é vagabundo”

Torcida do Flamengo apoiou os 90 minutos contra o Bahia COLUNA DO FLA/Por: PEDRO PAULO CATONHO …