Ferrari entrou com protesto contra o vencedor do Grande Prêmio de Mônaco Sergio Perez e o líder do campeonato da Fórmula 1 Max Verstappen neste domingo (Crédito: Reprodução/ Twitter Scuderia Ferrari)

Ferrari formaliza protesto contra pilotos da Red Bull Perez e Verstappen

ISTOÉ/Reuters/Por: Alan Baldwin
Ferrari entrou com protesto contra o vencedor do Grande Prêmio de Mônaco Sergio Perez e o líder do campeonato da Fórmula 1 Max Verstappen neste domingo (Crédito: Reprodução/ Twitter Scuderia Ferrari)

A Ferrari entrou com protesto contra o vencedor do Grande Prêmio de Mônaco Sergio Perez e o líder do campeonato da Fórmula 1 Max Verstappen neste domingo, depois que os pilotos da Red Bull terminaram a prova em primeiro e em terceiro, respectivamente.

Os comissários de pista disseram em um comunicado que os dois pilotos foram acusados de não obedecer às regras de saída do pit lane após um dos pitstops durante a prova. Carlos Sainz e Charles Leclerc, da Ferrari, terminaram em segundo e quarto respectivamente, com o último ficando nove pontos atrás de Verstappen na tabela de classificação.

Um representante da Red Bull foi obrigado a responder formalmente aos comissários.

As notas do diretor de prova afirmam que os pilotos devem manter-se à direita da linha amarela na saída dos boxes e permanecer à direita da linha até que ela termine após a curva um.

“Acreditamos que houve uma clara violação do regulamento por parte dos dois pilotos da Red Bull ao saírem dos boxes”, disse o chefe da Ferrari, Mattia Binotto, à emissora de televisão Sky Sports.

O chefe da Red Bull, Christian Horner, disse a repórteres que “estamos contentes com todas as imagens que vimos”.

Compartilhar
Spread the love

Além disso, verifique

Clima tenso! Torcida do Fluminense realiza protesto em acesso ao CT Carlos Castilho

Jogadores que passaram pelo local foram cobrados NETFLU/Por: João Victor Padela   O Fluminense é o atual …